Saiba quais cuidados você deve ter com a sua visão

07/03/2013


Comer formigas não melhora a saúde dos olhos, como dizem as más línguas - não há comprovação científica de que o inseto traga vantagens para a visão. No entanto, como o órgão está sempre exposto a vento, fumaça, poeira, luz do sol, bactérias e vírus, precisa de cuidados.

Segundo o cirurgião oftalmologista Renato Neves, diretor-presidente do Eye Care Hospital de Olhos (SP), são várias as doenças que podem minar a visão: "Desde as mais comuns, como a conjuntivite, até as graves, como o glaucoma, a catarata e a degeneração macular relacionada à idade, que afeta a parte central da retina".

Quanto mais cedo você cultivar bons hábitos, melhor: exercitar-se, não fumar, manter uma alimentação equilibrada e usar óculos escuros regularmente, inclusive nos dias nublados. "Estudos mostram que pessoas mais expostas ao sol tendem a desenvolver doenças oculares", explica Neves. Sem contar os acidentes domésticos e os de trabalho que, anualmente, deixam milhares de pessoas cegas.

 

Veja o que fazer para proteger a visão.

 

Fome de quê?

A nutricionista Roseli Rossi (SP) sugere o consumo de vegetais ricos em betacaroteno (cenoura, abóbora), licopeno (tomate, melancia) e luteína e zeaxantina (espinafre, couve), que retardam o envelhecimento celular. Alimentos com selênio (castanha-do-pará), zinco (carne vermelha), vitaminas E (semente de girassol) e C (laranja) também evitam doenças oculares. Peixes e nozes contêm ômega 3, importante para proteger a retina contra inflamações.

 

Os inimigos

Sal, gorduras trans e saturadas, doces e carboidratos refinados em geral aumentam o risco de hipertensão arterial, colesterol alto e triglicérides que, por sua vez, causam resistência à insulina e doenças cardiovasculares - disfunções que interferem diretamente na saúde visual.

 

Chega de cansaço

Muitas horas diante do computador ou da TV, iluminação ruim e sono insuficiente deixam os olhos cansados. Faça intervalos de cinco minutos a cada hora em frente à tela, mantenha uma distância de 50 cm do monitor e durma pelo menos sete horas por noite para descansar a vista.

 

Proteção total

Faça chuva ou faça sol, use óculos escuros com filtro UV (contra raios ultravioleta), pois a radiação é cumulativa e pode causar problemas visuais. Escolha um modelo com lentes grandes e próximas dos olhos, para evitar a passagem da luz. Procure o selo da Abióptica* ou consulte um oftalmologista para verificar a qualidade das lentes.

 

Raio X

Vista cansada, lacrimejamento, coceira nos olhos ou dificuldade para focalizar imagens são sinais de problemas de visão, alergias ou doenças. Não hesite, consulte já o seu médico!

 

Ao cuidar da visão, não só prevenimos doenças mas também podemos melhorar alguns problemas, como astigmatismo (visão embaçada), miopia (dificuldade para ver de longe), hipermetropia (problema para enxergar de perto) e presbiopia (não conseguir focalizar longe e perto). E ainda beneficiamos todo o corpo, explica Meir Schneider no livro Saúde Visual por Toda a Vida (Ed. Cultrix). Faça estes exercícios diariamente:

 

Sunning

Combate a insônia e melhora a miopia e o astigmatismo. Feche as pálpebras delicadamente e volte o rosto para o sol. Nessa posição, movimente a cabeça de um lado para o outro, girando-a de ombro a ombro por dez minutos ao dia.

 

Pisca-pisca

Relaxa, aumenta a capacidade de focar detalhes e melhora a presbiopia. Feche e abra, suavemente, uma pálpebra de cada vez. Piscar de 22 a 25 vezes por minuto, de forma delicada e contínua, favorece o relaxamento. Quando os olhos ficarem secos ou doloridos, feche-os por um tempinho.

 

Fonte:M de Mulher

 

 



Veja também