Transforme a ansiedade em algo produtivo, aprendendo a gerenciar as crises.

14/10/2016


Sabia que os sintomas da ansiedade podem ser diferentes de pessoa para pessoa e variar de intensidade? Pois se você se sente ansioso e quer se livrar de uma vez por todas dos sintomas da ansiedade, é hora de começar a perceber e entender as reações. Elas podem ser desde pensamento desorganizado, fala agitada e o raciocínio atrapalhado. Sentimentos de preocupação ocupam a mente, com isso, os pensamentos se repetem e se torna impossível manter a concentração. A mente deixa de ser serena e calma. O resultado é claro: baixo rendimento, produção com pouca qualidade e muito tempo perdido.

 

Algumas situações podem ser a ponte para o mal estar. Quando algo específico acontece no mundo exterior, a resposta interna do corpo é imediata e então o sentimento que surge é de ansiedade. Exemplos: uma prova, trânsito, reuniões de trabalho, são situações que nos deixam ansiosos. 

 

Normalmente essas reações estão diretamente ligadas à forma como cada um pensa e organiza a própria vida. Afinal, a situação em si não é capaz de gerar esse movimento interno, mas o modo com que cada pessoa é capaz de gerenciar suas emoções. A intensidade e o modo com que as pessoas lidam com a ansiedade é determinado pela maneira que o cérebro interpreta a situação.

 

A ansiedade só é boa quando na verdade é revertida em energia para execução de atividades, sem desgaste e sofrimento. Ação, produção e resultado sem estresse é o ideal.

 

Mas o quadro tem cura e você pode superá-lo. E esse poderá ser um excelente objetivo para que você tenha qualidade de vida. Viver bem é fundamental. O tratamento da ansiedade consiste em educar a pessoa para agir de forma serena e adequada, quando possível, a diferentes situações de estresse da vida. Para isso, diversas técnicas são indicadas, como Programação Neurolinguística (PNL) e hipnose, entre outras.

 

Fonte: Minha Vida (ARTIGO DE ESPECIALISTA)

 



Veja também